Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

You And I

29
Out16

"Live After Storm" - Capítulo 6


JustAnOrdinaryGirl

Resultado de imagem para luke mitchell gifs

Melissa e Liam permaneciam lado a lado, de pé, e sem dizer uma única palavra. Tal como os outros, também eles estavam a observar Taylor passar em direção ao gabinete do diretor da escola. Mas, ao contrário dos outros, não lhe sorriam ou mostravam olhares de compaixão. Liam porque sabia que os seus dias naquela escola tinham acabado de piorar. Melissa porque acreditava na inocência de Liam. Permaneceram assim durante mais uns segundos depois de Taylor ter deixado de estar no campo de visão deles. Foi quando os comentários e os olhares recaíram sobre Liam novamente que ambos regressaram à terra.

- O que é que ela está aqui a fazer? – Foi a única coisa que Melissa conseguiu perguntar, encarando-o – Estás bem? – Perguntou antes que o rapaz lhe pudesse responder à pergunta anterior

- Não faço ideia e não sei como estou, para ser sincero – respondeu a ambas as perguntas, olhando finalmente para Melissa. Sem dizer mais nada, virou-se e entrou na sala de aulas. Melissa ia segui-lo mas ouviu o seu nome e voltou-se. Eram os amigos que tinham acabado de entrar. Sorriu-lhes e esperou que se aproximassem.

- Bom dia – Zack foi o primeiro a cumprimenta-la, acrescentando também um beijo na bochecha da morena

- Estamos a perder alguma coisa? – Dianna perguntou, curiosa com aquele cumprimento pela parte do rapaz

- Parece que o jantar deu alguns frutos – Chloe provocou, sorrindo a Melissa e Zack – Credo, Melissa, não precisas de estar com essa cara, estamos só a meter-nos com vocês – Chloe disse, reparando na cara de Melissa

- Não é isso – Melissa apenas disse

- Estás bem? – Zack perguntou-lhe, preocupado

- Vocês não sabem o que aconteceu? – Perguntou-lhes. Quando os três negaram, avançou – A Taylor regressou à escola – informou-os

- A Taylor que o Liam mandou para o hospital? – Chloe questionou sem rodeios, sendo de imediato repreendida por Melissa – O que foi? Ela esteve em coma, não esteve?

- Sim, esteve. Mas nenhum de nós lá estava para dizer que foi o Liam o culpado! – Melissa defendeu o rapaz

- Mas também não estávamos lá para ter a certeza que ele está inocente – Chloe defendeu o seu ponto de vista. Antes que pudessem continuar, o professor de matemática chegou e pediu-lhes que entrassem na sala. Melissa olhou para o lugar vazio ao lado de Liam, mas Zack foi mais rápido e desviou-lhe a cadeira para que se sentasse ao seu lado, fazendo-o com um sorriso que impediu a rapariga de negar. Acabou por sentar-se ao lado do rapaz com quem jantara na noite anterior e sorriu-lhe de volta

- Antes de darmos início à aula, quero falar com vocês – O professor começou por anunciar, chamando a atenção de todos – Não sei se já todos sabem, mas hoje regressou uma das nossas alunas: a Taylor – avisou, começando de imediato a ouvir-se sussurros por toda a sala – A Taylor estava a estudar em casa mas preferiu voltar, precisava de estar com outras pessoas, de ter uma vida normal depois de tudo – continuou a explicar a situação – Apenas queria que soubessem que ela está de volta e que precisa dos colegas, principalmente no que diz respeito aos estudos. Esperemos que desta vez tenha é mais sorte com as companhias e que não acabe numa cama de hospital – Ao dizer esta última frase, o professor de matemática olhou para Liam, fazendo que também alguns dos alunos olhassem para o rapaz. Liam não tinha uma vida fácil naquela escola e esta acabou por ser a gota de água. Pegou nas suas coisas e saiu da sala, sem dizer uma única palavra. Todos ficaram em silêncio. Melissa suspirou e, sem pensar no que os outros diriam ou na atitude que ia tomar, levantou-se.

- Melissa… – Zack chamou, puxando-a pelo braço para que se voltasse a sentar – O que é que estás a fazer? – Perguntou, confuso

- Depois falamos, Zack – Melissa disse-lhe, tentando soltar o seu braço da mão do rapaz

- Melissa, sente-se por favor. Vamos ter de iniciar a aula, já perdemos muito tempo – o professor avisou

- Eu não vou ficar na aula, professor – Melissa informou, já com as suas coisas na mão e livre da mão de Zack

- Se sair da sala vai ter falta e, neste caso, vai ser injustificável. Pense bem no que vai fazer e por quem o vai fazer – aconselhou-a, olhando para ela com alguma autoridade

- Eu aceito a falta, professor – Melissa disse – Mas se a Taylor precisa dos colegas, acho que o Liam também tem esse direito – e saiu da sala, deixando todos surpreendidos com a atitude que acabara de tomar, especialmente Zack, Chloe e Dianna que não sabiam o que pensar.

Àquela hora os espaços exteriores da escola estavam desertos. Em parte porque os alunos estavam em aulas e em parte porque estava a começar a chover. Liam poderia estar “escondido” em qualquer lado. Sair da escola durante o período de aulas era complicado por causa da segurança. Melissa percorreu o espaço atentamente, tentando descobrir o colega de turma. Acabou por encontra-lo na rua, abrigado debaixo de um telheiro, junto ao pavilhão de educação física

- Liam… - chamou enquanto se aproximava. Quando chegou ao pé dele sentou-se ao seu lado

- Não devias estar aqui, Melissa – Liam avisou-a sem desviar a sua atenção do chão à sua frente

- Nem tu – Melissa disse-lhe, olhando também ela para o espaço à sua frente – Aquilo que o professor disse…

- É o que todos pensam! – Liam concluiu a frase da rapariga, um pouco apreensivo, olhando depois para ela – A sério, Melissa, vai para a aula! – Disse com convicção

- Não! – Melissa insistiu em ficar, falando com a voz um pouco mais alta

- Por quê? – Liam estava curioso e perguntou, olhando para ela

- Acho que o professor ficou passado por eu ter saído, não me apetece voltar e ter de ouvir um sermão - a rapariga explicou, remexendo uma folha de uma árvore entre as mãos

- Não é isso – Liam disse – O que eu quero saber é o motivo que te leva a estar do meu lado desde o início, a não me tratares como toda a gente me trata desde o dia em que a polícia me prendeu – esclareceu a sua pergunta

- Eu tenho esta mania de ver sempre o lado bom das pessoas, de não julgar sem conhecer, de não acusar só porque alguém acha que deves ser acusado – disse – Mas nem toda a gente acha que ajo da maneira mais certa

- Eu acho – Liam confessou, olhando para ela – E não o digo por estares do meu lado, digo-o porque muitas outras pessoas deviam ser mais como tu. Apesar de achar que por vezes devemos ter cuidado com a confiança que depositamos nas pessoas – acabou por concluir e Melissa apenas assentiu – Eu confiei nos amigos que tinha, na Taylor e depois acabei preso – disse, rindo ironicamente

- Vocês eram namorados ou assim? – Melissa quis saber. Sempre tivera curiosidade sobre toda a história. A parte da história que não tinha sido contada – Eu costumava ver-vos com os vossos amigos mas… desculpa, não tenho de me meter – desculpou-se, voltando a olhar para a paisagem à sua frente

- Não éramos namorados, ela tinha namorado. Apenas éramos amigos e fazíamos parte do mesmo grupo – Liam confessou – Achas que vou preso outra vez se me virem fumar? – Perguntou, meio a brincar meio a sério

- É permitido fumar aqui nesta zona exterior. Porque haverias de ser preso? – Melissa perguntou, um pouco confusa com a pergunta

- Porque o tabaco acaba por ser uma droga e estou na presença de uma rapariga – Liam disse, procurando na mochila o maço de tabaco e um isqueiro – É uma história um pouco familiar e as pessoas daqui andam ansiosas para que eu pague por tudo o que aconteceu – acendeu um cigarro e levou-o à boca

- Não te preocupes, desta vez não vais ser acusado de nada – Melissa disse-lhe e acabou por sorrir. Depois ficou a olhar para o vazio, sentada ao lado dele. A campainha tocou e mais alunos começaram a aproximar-se deles. A maioria olhava para Liam com olhares de ódio, com olhares julgadores. Melissa ouviu alguém chamar o seu nome e virou-se na direção da voz.

- Melissa, podemos falar agora? – Zack perguntou, agora mais próximo da rapariga e de Liam – Saíste da aula sem mais nem menos…

- Não conseguia ficar mais ali – Melissa admitiu, encarando Zack

- Se fosse a ti falava com o professor, já te prejudicaste o suficiente – Zack aconselhou-a. Depois olhou para Liam – E tu não a devias arrastar para as tuas merdas – avisou-o, recebendo um olhar reprovador da morena – O que foi? Se não fosse ele não tinhas saído da aula – acrescentou para justificar o seu comentário

- Saí porque quis, ninguém me obrigou! – Melissa respondeu-lhe, aborrecida com aquela atitude

- E podemos falar em privado? – Zack perguntou, tentando acalmar as coisas. Melissa não respondeu logo. Em vez disso, olhou para Liam, que lhe sorriu como que a dizer “Fico bem”. A rapariga levantou-se e levou Zack dali para fora.

- Não precisavas de ter falado assim com ele, Zack. Fui eu quem tomou a decisão de sair da sala, ninguém me obrigou – Melissa repreendeu-o, indo ambos já a caminho de casa dela

- Não tinhas saído se ele não tivesse ficado ofendido com o comentário do stôr – Zack disse

- O stôr não devia ter dito aquilo, Zack. Qualquer pessoa poderia ficar ofendida – Melissa continuava a defender Liam, irritando ainda mais o melhor amigo

- Para a próxima pensa melhor antes de agires assim, ok? – Zack pediu. Estavam agora parados em frente à casa da rapariga – Eu gosto demasiado de ti para deixar que que te prejudiques por causa de um tipo qualquer. Hoje havia pessoas a comentar que tu saíste atrás dele porque andas metida com ele ou porque ele te anda a obrigar a alguma coisa – o rapaz disse com alguma frustração

- As pessoas gostam muito de inventar, Zack. Quando a vida delas não lhes chega inventam a vida dos outros, para terem mais emoção, para se divertirem – Melissa disse, olhando para o rapaz à sua frente

- Promete-me apenas que vais ter cuidado – pediu-lhe, acariciando o rosto da rapariga – Não quero que acabes como ele, Melissa, a ser julgada, a ter pessoas a olharem-te de lado. E muito menos quero que acabes por te magoar, física ou psicologicamente.

- Eu vou ter cuidado, Zack – Melissa garantiu, sorrindo-lhe de volta. Depois, sentiu os lábios do rapaz sobre os seus. Tal como na noite em que foram jantar fora. Apesar de não ter retribuído da mesma forma, também não se afastou. Quando Zack terminou o breve beijo, sorriu-lhe e Melissa sorriu-lhe de volta. Depois, o rapaz foi-se embora e a rapariga entrou em casa. Na cozinha, Melissa viu os seus pais sentados à mesa, a olhar para ela, em silêncio e com caras de problemas. Aquilo não era, de todo, o melhor dos cenários. E Melissa sabia o motivo das caras dos pais. Alguém da escola os tinha avisado da sua atitude na aula de matemática e do motivo que a levou a ter tal atitude. Definitivamente, aquilo não era bom sinal.

.................

Bom dia!! Hoje consegui publicar o capítulo mais cedo e espero que vocês gostem :) Peço desculpa se estiver um bocadinho grande mas às vezes entusiasmo-me quando estou a escrever e depois saem coisas maiores. Mas pronto, deixem as vossas opiniões sobre o que acharam do capítulo, o que estão a achar até agora, do que e de quem mais gostam, o que acham que se segue. Bem, essas coisas :) Fiquem bem e até ao próximo capítulo!!

3 comentários

Comentar post