Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

You And I

22
Abr17

"Amnesia" - Capítulo 2


JustAnOrdinaryGirl

 

 

April começou a abrir os olhos lentamente. As luzes do quarto onde se encontrava, juntamente com todo aquele branco das paredes, fazia com que fosse uma tarefa ainda mais difícil. Esforçou-se por mantê-los abertos, a única coisa que conseguia ver era o teto, também ele branco. Depois começou a ouvir uns barulhos, alguma coisa a apitar, parecia-lhe. Tentou olhar em volta. Viu máquinas, tubos, agulhas, tudo ligado ao seu corpo. Não conseguia fazer qualquer tipo de movimento, tinha o corpo esquisito, como se ainda estivesse a dormir, como se estivesse numa espécie de sonho qualquer.

Não muito tempo de ter aberto os olhos, pessoas vestidas de branco começaram a entrar. De repente aquele quarto vazio e estranho estava cheio, como se todos a quisessem ver ao mesmo tempo.

Uma das pessoas que ali estava, um homem, parecia ser o que mandava. Era ele quem verificava as máquinas, quem examinava tudo ao pormenor. Também ele estava vestido de branco. Tinha o cabelo quase loiro, uma barba de três dias e olhos claros. April conseguiu ler o nome que estava escrito no cartão preso à bata: Clark. Assim que ele se aproximou e lhe apontou uma luz para os olhos ela finalmente percebeu: estava no hospital e todos aqueles que ali se encontravam eram médicos e enfermeiros.

 - April? – Clark falou, interrompendo os pensamentos da rapariga – Consegues ouvir-me? – Perguntou calmamente. April tentou falar, mas tudo o que acabou por conseguir foi acenar lentamente com a cabeça – O meu nome é Clark, sou médico – apresentou-se – Tu estás no hospital, tiveste um acidente – Estas palavras de Clark fizeram a jovem estremecer

- Eu… - as palavras saíam fracas e quase inaudíveis – Eu… não…me lembro – conseguiu dizer, fazendo com que Clark olhasse para o outro médico na sala. Todos os outros tinham começado a sair

- Vamos fazer assim – Clark começou, tentando organizar as ideias – Vou deixar-te aqui um pouco, vou pedir que te tragam comida e água, e já volto para falar contigo, ok? – Sugeriu. April assentiu com a cabeça e esperou que Clark saísse. Assim que ficou sozinha olhou à sua volta. Há quanto tempo estaria ali? E o acidente? Tinha a cabeça a mil, cheia de perguntas. Uns minutos depois uma enfermeira chegou e ajudou-a a comer e beber alguma coisa. Deu-lhe também alguma medicação e saiu. April ficou sozinha com os seus pensamentos até ser novamente interrompida. Desta vez era o médico que tinha voltado.

- Como te sentes? – Clark perguntou, aproximando-se da cama da rapariga

- Confusa? – April disse, num tom meio de pergunta, meio de afirmação – Há quanto tempo estou aqui? – Quis saber

- Há quatro meses – informou, deixando a rapariga surpreendida – Estás em coma praticamente desde que chegaste – começou a explicar mais detalhadamente – Quando chegaste aqui vinhas em estado muito grave, com imensos ferimentos, hemorragias e estavas inconsciente. Foste operada de emergência e depois houve algumas complicações e acabaste por entrar em coma – concluiu a explicação, deixando depois a rapariga assimilar a informação que tinha recebido

 - E o acidente? – Perguntou, encarando Clark

- Aparentemente foi um despiste – contou – O carro foi cair numa ribanceira – acrescentou – Não te lembras do que aconteceu? – Perguntou, fitando a jovem, que apenas abanou a cabeça – Foi um acidente muito grave e mesmo ficando neste estado, tiveste muita sorte. Iam mais dois rapazes no carro – disse em tom pesaroso

- Eles também estão aqui no hospital? – April perguntou, olhava atentamente para a expressão do médico

- Os dois rapazes que iam contigo, infelizmente, não tiveram tanta sorte – disse, pensando na melhor forma de dizer o que precisava. Mas haveria uma boa forma de anunciar que alguém tinha morrido? – Eles não resistiram aos ferimentos, lamento – acabou por anunciar. April não conseguiu dizer nada, apenas engoliu em seco depois de ouvir tais palavras

- Quando é que eu posso sair daqui? – April perguntou minutos depois

- Antes vamos ter de fazer alguns exames, para garantir se estás em condições – Clark informou – E preciso de algumas informações a teu respeito. A única coisa que sabemos é o teu nome, porque trazias um cartão preso na camisola. Era um cartão de funcionário de uma loja – disse

- Eu não sei quem é a minha família, não me lembro– A rapariga disse – Ainda ninguém veio à minha procura? – Questionou

- Quando disseste que não te lembravas de nada, achei que estavas a falar do acidente – o médico disse-lhe, agora preocupado – Quer dizer que não te lembras mesmo de nada?

- Por vezes, quando fecho os olhos, algumas imagens aparecem na minha cabeça, mas nada que me faça lembrar de nada em particular. Continuo a saber o que é um hospital e o que se faz aqui mas não me lembro da minha vida, não me lembro bem de mim – confessou, triste

- Houve uma pessoa que veio cá várias vezes, um rapaz chamado John – Clark lembrou-se – O nome não te diz nada?

- John? – April ficou calada por alguns segundos – Não faço ideia de quem seja! – Acabou por dizer

- Clark, posso entrar? – Era Mia, que tinha acabado de chegar ao hospital – Vim assim que consegui. Como é que ela está? – Perguntou, entrando por fim no quarto

- Ainda precisa de fazer alguns exames – Clark informou a médica – April, esta médica é a Mia, ela esteve presente durante a tua operação – O médico disse e a rapariga sorriu a Mia, que retribuiu

- A inspetora Lydia telefonou há uns minutos para cá e informaram-na de que a April já estava acordada – Mia informou – Ela está a chegar para um primeiro interrogatório – acrescentou

- Acho que a inspetora apenas vem aqui perder o seu tempo – Clark disse, deixando Mia confusa – A April está com amnésia!

.......................................

Boa tarde! Aqui fica o segundo caítulo de Amnesia, onde já temos a April, acabada de acordar e com Amnesia! O que acham que vai acontecer agora? Espero que tenham gostado deste capítulo :) Deixem as vossas opiniões aqui nos comentários. Em relação ao próximo capítulo posso dizer-vos que vamos finalmente conhecer a inspetora Lydia e o John também vai aparecer :) Fiquem bem e até ao próximo capítulo!

8 comentários

Comentar post