Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

You And I

08
Ago21

You And I - Capítulo 90


JustAnOrdinaryGirl

Agent Lamorak | Wiki | Kingsman Amino

Laura nunca tinha sentido uma manhã a passar tão lentamente e tinha quase a certeza de os restantes estavam a sentir-se da mesma forma. Assim que a campainha tocara a anunciar o fim do período de aulas da manhã, os seis amigos reuniram-se na sala de português do décimo primeiro ano. 

- Só espero que a professora Isabella não se demore muito. Estou a morrer de curiosidade - Laura desabafou, cortando o silêncio na sala - O que acham que ela tem para nos dizer?

- Várias coisas, Laura... - A professora disse quando entrou na sala. Todos a seguiram com o olhar até ela se sentar na secretária, virada para eles - Estive a falar com o diretor esta manhã. Já tinha tentado falar com ele antes, mas não tem sido fácil. Ele está sempre a tentar evitar o assunto. 

- Sobre o acidente? - Laura perguntou

- Esse também foi um dos assuntos, claro - Isabella confirmou - Mas foi também sobre o que levou a que esse acidente tenha acontecido - acrescentou - Desde que trabalho nesta escola que tenho visto coisas a acontecer, tenho ouvido comentários. Mas este ano foi a gota de água. Há alunos que são destratados todos os dias! - disse revoltada. Tim baixou os olhos, sentido-se culpado por alguns desses destratos. - E agora percebi que o problema não está apenas nos alunos que rebaixam os colegas pelas suas diferenças. Também está, claro, mas não apenas neles. O verdadeiro problema está na escola e nas pessoas que a gerem. - Ela continuou - O diretor prefere o dinheiro e os patrocínios em vez do bem estar dos alunos, o treinador da equipa de futebol, que por acaso é também professor de educação física, gere uma equipa cheia de alunos preconceituosos e, em vez de tentar mudar isso, ainda colabora com esses alunos. E a prova disso foi o facto de terem saído da equipa os dois melhores jogadores... - disse, apontando para Tim e Leo. - E isto é apenas um exemplo. Tenho a certeza de que se a Laura não tivesse acabado no hospital, ou se não fosse filha de um dos maiores patrocinadores da equipa, este assunto iria ser tratado com a mesma leveza de todos os outros. E isso não pode ser! - ela concluiu o seu discurso 

- E o que é que podemos fazer? - Alycia perguntou - Já vi este filme acontecer noutras escolas e nunca ninguém faz nada - ela disse - Os "diferentes" serão sempre tratados dessa maneira. Haverá sempre alguém que se vai achar superior - lamentou

- Sim, tens razão - Isabella concordou - Mas também haverá sempre alguém disposto a lutar para mudar isso. E eu estou disposta a mudar a realidade desta escola! - ela revelou, deixando-os ainda mais curiosos - Fui falar com o diretor e pedi-lhe que mudasse as coisas, pedi-lhe que alguma coisa fosse feita para que todos percebessem que o preconceito, seja de que forma for, não vai ser permitido... - contou

- E resultou? - Foi Alex quem perguntou

- Infelizmente não... - A professora disse, triste - O diretor continua na mesma e acha que a expulsão do William vai ser suficiente... 

- Mas não vai e jápercebemos isso por causa de alguns comentários que ouvimos nos corredores - Leo disse - Há pessoas que acham que ele é uma vítima e não o culpado de um atropelamento

- Por isso mesmo é que eu decidi agir por minha conta... - Isabella disse - Vou denunciar o caso! - revelou, deixando todos surpresos com aquela revelação - Pensei em organizar uma espécie de palestra para chamar a atenção dos alunos, pais e professores...

- O diretor nunca vai permitir isso - Laura disse

- Pois não... - Isabella concordou - Mas fora da escola, eu posso fazer o que eu quiser - explicou - O que aconteceu aqui é um crime! E já que a escola decidiu não fazer nada contra esta situação e continua a permitir este tipo de comportamento, eu vou avançar com algo público. Algo que lhes doa! - Continuou - E gostava de poder contar com a vossa ajuda... - pediu

- Comigo pode contar, para o que for... - Laura disse, sorrindo. Alycia, Nick e Alex também se apressaram a oferecer ajuda - E vocês os dois? - Laura perguntou perante o silêncio de Leo e Tim

- Fui um dos causadores de muito do que se passou... Querem mesmo que eu vos ajude? - Tim perguntou

- Tu mudaste tanto nos últimos tempos, Tim... - Alycia disse, passando-lhe a mão pelo ombro - És o exemplo de que, por amizade e amor a alguém, é possível mudar... É claro que te queremos no grupo! - ela garantiu e todos concordaram, fazendo com que Tim aceitasse ajudar. 

- E tu, Leo... Se estás com dúvidas por pensares que te quero dar como exemplo de alguma coisa... Não é nada disso. Não tens de dizer ou assumir nada, isso garanto. Obrigar-te a isso seria o completo oposto daquilo que pretendo com esta divulgação pública do que acontece nesta escola. - Isabella garantiu - Podes ajudar-nos como se estivesses nos "bastidores" se quiseres... - Leo acabou por concordar. Queria ajudar, claro. Só ainda não sabia se queria ser exemplo para alguma coisa. Ainda não se sentia preparado para grandes lutas ou o que fosse. Mas estava disposto a dar o seu contributo. - Agora só temos de organizar isto muito bem... - Isabella disse, feliz por ter os alunos do seu lado

- Isto vai ter consequências para si... - Laura disse

- Sim, provavelmente aqui na escola vai... - ela concordou, ligeiramente triste - Mas sei que também é bem possível que vá ter consequências para quem gere esta escola e que vá ser o início da mudança... Pode é ter consequências para o vosso pai... Ele dá um grande contributo à equipa e as pessoas sabem que ele está associado... - Isabella disse, referindo-se a Edward - E para o teu, Tim... - acrescentou

- Que tenha! - Leo disse - Se há alguém que fez com que tudo isto se tornasse ainda pior foram eles os dois. Está na hora de as pessoas verem isso! - ele disse, mais motivado, mesmo que não fosse pelos sentimentos mais corretos. 

- Então vamos organizar tudo. Todas as ideias são bem vindas! - Isabella começou - Eu vou fazer queixa ao ministério e vou tratar disso ainda hoje. Vou pedir que venha cá alguém visitar a escola com urgência. Depois, vou contactar uma amiga minha, que é jornalista. A presença deles vai levar isto aos media, que é o que precisamos... - E continuaram a discutir pormenores, sempre a garantir que ninguém os ouvia. Em breve iam dar um passo importante na luta contra o preconceito que assombrava aquela escola. 

.....................

Boa tarde! Como estão? Mais um capítulo e nem acredito que cheguei ao 90! Espero que estejam a gostar. Acham que este protesto vai correr bem? Obrigada mais uma vez a quem tem acompanhado! Fique bem e até ao próximo capítulo :)