Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

You And I

30
Mai20

You And I - Capítulo 60


JustAnOrdinaryGirl

Animated GIF

Nessa mesma tarde, Leo pedira a Tim que esperasse por ele depois do treino, dizendo que precisava de falar com ele sobre algo importante. Felizmente, o diretor ainda não tinha falado com o treinador da equipa sobre a visita do seu pai à escola, o que acabava por tornar a conversa um pouco menos complicada. Se bem que, para Leo, aquela conversa tinha sempre maneira de acabar por correr mal. Conhecia Tim e sabia que, por muito que ele estivesse a mudar, não iria mudar da noite para o dia. Os dois acabaram por ficar na escola, na zona dos intervalos. Àquela hora não havia quase ninguém por ali e podiam conversar mais à vontade. 

- Afinal, que assunto importante é esse? - Tim quis saber. Havia qualquer coisa na expressão de Leo que o fazia suspeitar de que era mesmo algo sério

- Se queres que te diga, é mais um conjuntos de assuntos sérios... - Leo acabou por desabafar - Mas antes, preciso que me prometas que isto não sai daqui, Tim - ele pediu, encarando o melhor amigo - São coisas que eu não quero que se saibam já. E além disso, não me implicam apenas a mim - ele explicou - Se se souber já, as coisas podem correr mal. - acrescentou 

- Meu, quem te ouvir falar até vai pensar que é caso de polícia ou assim - Tim comentou. Nunca tinha visto Leo assim - Ouve, eu sei que tivémos os nossos problemas, mas tu és meu amigo e espero que saibas que podes contar comigo, meu - Tim garantiu ao ver a preocupação espelhada no rosto do amigo - É assim tão grave? - perguntou

- É... complicado. - Leo disse - E envolve muita gente e muita coisa... - acrescentou, tentando fazer algum sentido. E ganhar coragem para continuar - Começou tudo no início do ano, quando o meu pai descobriu que o Nick é gay - Leo começou. Talvez tudo fosse mais fácil se contasse pela ordem dos acontecimentos

- Mas ele não sabia já? Ele passava a vida em tua casa... 

- Pois, mas não sabia. Os meus pais achavam que o Nick era namorado da Laura e quando lhe falaram nisso, ela acabou por contar - Leo prosseguiu - Foi o escândalo do ano para o meu pai. Pelo menos até saber que a Laura namorava com o Alex. Bom, é capaz de ter havido um escândalo maior, mas esse já te conto... - divagou

- Eu sabia que a Laura ainda ter problemas por se ter metido com o ci... com o Alex - emendou

- Tim, a Alycia disse que tens estado diferente e eu acredito nisso mas... se te vais pôr com racismos e preconceitos, não vale a pena continuar. 

- Desculpa, a sério! - Tim pediu - A Aly tem razão, eu tenho estado a mudar e podes confiar - disse, sincero

- Bem, o meu pai descobriu o namoro deles... A Clarissa fez questão de ajudar, até à empresa dele foi - Leo disse

 - Eu sei, eu estava lá com ela... - Tim revelou

- O quê?! 

- Não te preocupes que depois conto-te tudo. Mas agora é a tua vez... 

- Podes querer que contas! - Leo disse, sério - Enfim, as coisas com a Laura e o Alex nunca foram fáceis e o meu pai chegou a ameaçar o Alex e a família dele... - Tim não fazia ideia de quão longe as coisas tinham ido. Ele era preconceituoso, sim, mas acabava por dizer as coisas mais da boca para fora e não ir tão longe como o pai de Leo - Enfim, nessa altura as coisas ficaram mesmo lixadas lá em casa e... parecia que a cada coisa que fizessemos alguma delas ia acabar por nos deixar na merda mais uma vez. - Leo ainda não sabia como se assumir perante o melhor amigo e, por isso, foi deixando esse assunto para o fim - O Alex, para proteger a minha irmã e a família, acabou tudo com ela. Nunca vi a minha irmã assim e foi horrível. Cheguei a passar-me com o meu pai. Não tanto quanto devias, mas... E claro que que ainda havia o facto de a Clarissa me ter traído e a zanga contigo... - Parou para pensar no que ainda não tinha contado. Era tanta coisa - E depois houve toda a situação de eu ter saído de casa... Aquilo foi a gota de água e... Com isto, eu e a Laura começámos a perceber que há um segredo na nossa família - revelou

- Um segredo? - Tim perguntou, intrigado

- Sim... Desde que tudo isto começou que a minha mãe acaba por ficar sempre do lado do meu pai. E se não estava mesmo do lado dele, não fazia ou dizia nada para nos ajudar, para nos proteger. Estava sempre calada, sem sequer ter oportunidade de falar. Quando eu saí de casa, ela acabou por desabar e, apesar de não ter confessado nada, a Laura acabou por perceber que ela esconde alguma coisa. Alguma coisa de que tem medo e que, provavelmente, é algo que o meu pai tem contra ela. E agora que a Laura voltou a namorar com o Alex e o meu pai descobriu, ele inscreveu-a num colégio de freiras, a começar já na próxima segunda. - Leo revelou e Tim estava estupefacto. A família de Leo sempre parecera bastante equilibrada. Leo contou a Tim todas as desconfianças em relação ao segredo e o facto de os avós maternos nunca serem mencionados.

- Meu, que cena! - Tim estava mesmo surpreendido com tudo aquilo. Edward conseguia ser tão sacana como o seu próprio pai - E não há dúvidas de que há alguma cena estranha aí no meio. - Tim concordou - Achas que é um segredo assim meio macabro? 

- Espero bem que não! - Leo disse - E acho que precisamos da tua ajuda, Tim! - Leo pediu - E não quero que penses que apenas te contei isto para me ajudares. Contei porque és meu amigo e porque acho que está na altura de voltarmos à nossa amizade, sem segredos. E preciso mesmo de fazer os possíveis para tentar salvar a Laura do colégio - ele explicou

- Sabes que podes contar comigo, meu! - Tim garantiu. Mas Leo sabia que a oferta poderia ser retirada assim que contasse o resto - O que é que eu posso fazer? 

- Antes disso... há mais uma cena. E desta vez pode ir bem mais além da minha família. - Leo calou-se e respirou fundo -O meu pai ameaçou deixar de patrocinar a nossa equipa. - revelou

- Mas assim... Sem o dinheiro do teu pai, a escola não tem meios... - Tim estava mesmo desiludido com aquilo - Mas o teu pai sempre adorou a equipa e sempre adorou que jogasses.  De onde é que veio isso agora? - quis saber.

- Isso tem que ver com o outro escândalo da minha família. Mais um dos ideais estúpidos e troglóditas do meu pai - Leo disse - Tem que ver com o motivo de eu ter saído de casa - explicou

- Tu saíste de casa porque te desentendeste com o teu pai e é por isso que vives em casa do Nick... - Tim disse. Era o que sabia do assunto - Onde é que isso interfere com os ideiais do teu pai?

- Quando aconteceu tudo aquilo com a trailão da Clarissa, a minha zanga contigo, a situação da Laura com o Alex... O Nick e a Alycia foram das pessoas que mais me ajudaram, principalmente o Nick - ele começou. Estava na hora de o fazer

- Ya, eu lembro-me de que nessa altura vocês ficaram mais amigos e tudo - Tim recordou. Relembrou-se também de que se tinha metido com o amigo por causa da aproximação a Nick, mas preferiu não mencionar esse aspeto. 

- Sim, ficámos mais amigos e ele apoiu-me desde o primeiro dia e... Há uns tempos, fui despejar o lixo à minha mãe e o meu pai apanhou umas mensagens com o Nick no meu telemóvel e passou-se... - aquela pausa permitiu a Tim falar

- Espera lá, o teu pai passou-se porque tu és amigo do Nick? Tem medo que ele te pegue a homossexualidade ou assim? Vá lá, nem o teu pai deve ser assim tão retrógado... Até eu, que sabes bem como sou, sei não é uma doença, Leo. - Tim ia falando. Mas calou-se ao perceber que Leo tinha alguma coisa a dizer. Alguma coisa que parecia ter ficado entalada. - Leo?

- Ele pensa mesmo isso, mas não foi SÓ isso - Leo disse - Ele... as mensagens... O meu pai expulsou-me de casa porque eu sou homossexual! - disse de uma vez. E sentiu um alívio quando aquelas palavras saíram da sua boca.  Sentiu-se a respirar de alívio. Era como se um peso lhe saísse de cima. E sentia que agora o podia dizer com mais facilidade. Os amigos e a irmã sabiam que ele estava com Nick, mas não tinha tido a necessidade de lhes dizer aquela frase, eles tinham percebido e agido com toda a naturalidade. 

- Tu?! - Tim estava incrédulo - Mas e a Clarissa? 

- Eu gostei mesmo da Clarissa. E depois apaixonei-me pelo Nick... Talvez homossexual não seja a palavra certa, mas sinceramente não interessa. O que queria que soubesses era a verdade e a verdade é que, neste momento, estou com o Nick. - explicou, deixando Tim sem palavras. - Estás a pensar numa piada homofóbica, é isso? 

- Não, não é isso, Leo! Estou em choque porque nunca pensei que tu... Como? 

- Sei lá como... Ao início nem eu percebi. Num momento estava a falar com ele e no momento a seguir beijámo-nos - contou. E viu a cara de Tim - Isto faz-te confusão? Porque nunca te vi assim quando falava da Clarissa... - Leo disse, lamentando que assim fosse

- Não é confusão nesse sentido...acho eu. - Tim tentava perceber e, acima de tudo, não dizer nada que magoasse o amigo - Tu e o Nick já... 

- Não, nunca estivemos juntos tão intimamente. Ainda não passou de beijos - Leo confessou  - Na verdade, ainda não temos nada definido. Ele está a dar-me tempo para eu perceber o que sinto

- E o que é que sentes? 

- O que nunca senti por ninguém antes! - Leo revelou, deixando o amigo surpreso - E acredita que no início também fiquei assim, cheio de perguntas e confusão. Se não fosse a Laura...

- Só podia ter sido a Laura... - disse, mas não no mau sentido - Nunca pensei que esse fosse o motivo de teres saído de casa... 

- E eu nunca pensei que depois do que te disse, tu continuasses aqui comigo - Leo confessou

- A cena da minha mãe fez-me mudar, meu - Tim disse - Eu sei que é difícil acreditar, depois de tudo o que fiz e disse, mas... A maneira como ela sofreu por causa do meu pai e tudo o que ele lhe fez... Isso fez-me perceber que as coisas que ele me transmitiu não era certas e depois a minha mãe começou a sair com o Anthony e... Acho que se fez luz...

- E Alycia tem estado a ajudar... - Leo comentou, em tom provocador. Sabia bem brincarem depois de toda aquela tensão

- Ajudou. Mas agora a conversa não é sobre mim, é sobre ti - Tim desviou o assunto. Teriam tempo para isso -  Sabes que na altura em que acabaste com a Clarissa e depois ela acabou por descobrir que tinha sido a Aly a contar a verdade... Ela achava que a Aly estava interessada em ti e que por isso é que te tinha ido contar. Nessa altura eu já tinha reparado que tu e o Nick estavam mais próximos e cheguei a dizer à Clarissa que talvez não fosse com a Alycia que tinha de se preocupar, mas sim com o Nick. Eu reparei que ele olhava para ti de uma forma...interessada - Tim revelou e os dois riram com a ironia 

- Falando em Clarissa... Não lhe contes nada sobre mim e o Nick - Leo pediu - Não quero que se saiba antes de resolvermos toda esta situação. Está muita coisa em jogo, incluindo a vida da minha irmã - ele explicou e viu Tim assentir - Por enquanto, apenas sabem as pessoas que estão a tentar resolver o assunto.  

- E qual é o plano, afinal? - Tim perguntou

- Algumas coisas já estão em andamento e até temos a stôra Isabella a ajudar-nos - Leo contou - E é possível que precisemos de uma ajuda da tua mãe... - disse

- Se lhe explicar as cenas, acho que é na boa... - Tim disse - Mas vá, contas-me o resto pelo caminho. Tenho de ir para casa que hoje vai lá jantar o Anthony e a Aly.  Posso deixar-te em casa, se quiseres. - Ofereceu-se

- O Nick ficou à minha espera, deve estar na entrada da escola... - Leo negou a boleia

- Ótimo! Assim aproveito para lhe dar uma palavrinha - Tim disse e pôs-se em marcha, fazendo sinal a Leo para o seguir

- Tim! - Leo resmungou, mas não adiantou. Tim continuou a andar. 

.........................

Boa tarde! Como estão? Aqui fica mais um capítulo, desta vez com uma conversa entre os dois amigos. O que acharam deste momento e da reação do Tim? Estavam à espera? Deixem as vossas opiniões. Fiquem bem e até ao próximo capítulo :)