Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

You And I

26
Abr20

You And I - Capítulo 58


JustAnOrdinaryGirl

Image result for odeya rush gif hunt | Modelos, Mulheres

E de facto, Leo passou a aula seguinte a pensar naquele assunto. Claro que desitir da equipa era uma solução. Mas era a solução mais fácil, e talvez até a mais cobarde. Se desistisse, estava a permitir que o pai levasse a sua ideia para a frente. A equipa continuava a ser patrocinada, sim, mas continuava também a ter pessoas homofóbicas. Foi por isso que tomou aquela decisão. Depois das aulas do dia, juntamente com Laura, foi falar com a professora de português - Isabella. Ela era uma das professoras que os dois tinham. Era compreensiva e já tinha demonstrado, mais de uma vez, ser contra injustiças e qualquer tipo de discriminação. Era a pessoa que os podia ajudar. Os dois irmão contaram tudo sem deixar de lado nenhum pormenor. E isso incluiu contar o que há vários meses se passava em casa deles. 

- O que vocês me estão a contar é demasiado grave, meninos! - Isabella estava chocada com o que acabava de ouvir - Não fazia ideia de que essa era a vossa situação familiar... - Ali estava uma prova de que as aparências enganavam. Tudo parecia estar bem e, no entanto, estava tudo mal naquela família - Eu sempre achei o vosso pai uma pessoa... mais fria, por assim dizer. Mas nunca pensei que ele fosse capaz de ir tão longe. E a vossa mãe... lamento informar-vos de que ela pode estar a ser vítima de algum tipo de violência a nível psicológico. Não é de todo normal que ela se retraia tanto perante o vosso pai - A professora expôs o seu ponto de vista, exatamente o que Laura e Leo também começavam a pensar 

- Acha que nos pode ajudar? - Laura perguntou

- Claro que sim. Farei de tudo para vos ajudar nesta situação - Isabella garantiu - Antes de mais, penso que devemos expôr a situação ao treinador da equipa - Ela sugeriu - Não temos de revelar pormenores, obviamente, nem sequer tens de te assumir se não o quiseres fazer, Leo. Eu mesma posso falar com ele e dizer-lhe o que está a acontecer - A professora ofereceu-se, para alívio de Leo. Não se sentia preparada para se assumir, não já e não daquela maneira - Quanto à situação da tua mãe, Laura, tenta levar essa tua ideia de saber mais sobre os teus avós para a frente. Pode ser uma boa maneira de descobrires alguma coisa. Sabes em que escola andou a tua mãe? 

- Ela chegou a frequentar esta escola - Laura contou - Mas apenas nos dois últimos anos de secundário. A minha mãe nasceu e cresceu na Irlanda. É só isso que sei... - explicou

- Talvez o registo dela ainda esteja disponível... - Isabella disse, esperançosa - Vou falar com a secretaria, talvez tenha sorte...

- É a sua mãe que está na secretaria, não é? - Laura lembrou-se de repente. E começou a sentir alguma esperança

- Exatamente! - Isabella sorriu-lhes - Ao termos os dados da tua mãe, conseguimos os dados dos teus avós. É mais fácil descobrir algumas coisas, já que a tua mãe era menor, e na ficha dela têm de estar números de telefone, moradas, empregos... Não quero que tenham muitas expetativas, é apenas uma hipótese e nada nos garante que os registos ainda estejam por cá. Mas vou tratar disso ainda hoje. - Isabella disse

- Mas e depois, como é que sabemos mais? - Laura perguntou

- A mãe do Tim...Ela trabalha no registo civil, pode ajudar-nos - Leo sugeriu

- Isso quer dizer que vais contar a verdade ao Tim? - Laura perguntou, orgulhosa do irmão, sorrindo-lhe

- Não é ele que quer provar que está diferente e que ainda é meu amigo? Talvez esta seja a oportunidade dele - Leo disse, certo de que aquela era a melhor decisão - E talvez a Alycia o ajude a aceitar ou a entender... - acrescentou

- A Alycia e o Tim? - Isabella questionou. Era professora mas não era parva. Sabia que Tim era um mulherengo e conhecia a fama dele na escola. E sabia que Alycia não era sua fã. 

- Pois... - Laura nem sabia o que dizer. Isso também a continuava a surpreender. Viu a professora ficar surpreendida com aquilo. Todos ficavam. - Mas fazes bem, mano! - Laura apoiou-o, como fazia sempre

- Bem meninos, eu vou falar com a minha mãe e tenho a certeza de que, se os arquivos ainda existirem, ela mos disponibiliza - Isabella disse - Além disso, vou estar atenta e tentar perceber o que o diretor faz com esse pedido do vosso pai. Acham que amanhã nos podemos reunir novamente? Para ver em que ponto está a situação e para decidirmos o que mais podemos fazer. 

- Seria ótimo, professora, obrigada - Laura agradeceu - Mas não queremos ocupar o seu tempo... - lembrou-se. Já os estava a ajudar o suficiente com aquilo da secretaria, não queriam abusar

- Ajudar os alunos também é um dever dos professores, Laura. - Isabella disse - E esta situação já é complicada o suficiente. Fico contente que tenham tido a coragem de procurar ajuda. Nem todos os alunos o fazem e por vezes as situações acabam por se tornar muito complicadas, irreversíveis até.

- Muita obrigada, mais uma vez! - Laura voltou a agradecer e Leo seguiu-lhe o exemplo - Preciso mesmo de tentar resolver este assunto esta semana. Não quero sair desta escola e acabar num colégio feminino. - disse, triste só de pensar

- No que depender de mim, esta história terá um final feliz. - Isabella disse, tentando dar-lhes algum ânimo. Os três despediram-se. Os dois irmaos voltaram para junto dos amigos. Laura iria para casa e ia levar Alex consigo. Ainda tinham algum tempo até os pais da rapariga chegarem a casa e ela pretendia vasculhar a casa e tentar encontrar alguma coisa sobre os avós e o passado da mãe. Tinha a certeza que os pais não lhe iriam contar tudo o que queria saber. Já Leo ia falar com Tim. Estava na hora de abrir o jogo com o melhor amigo. Alycia e Nick iam estar a postos para ajudá-los depois da conversa que teriam. Ia ser uma conversa complicada. Isabella, assim que ficou sozinha, foi ter com a mãe à secretaria. Tinha de conseguir ajudar aqueles dois alunos. 

.......................

Boa noite, como estão? E a vossa quarentena? Espero que esteja tudo a correr bem. Hoje trago-vos mais um capítulo de You And I, que espero que vocês gostem :) Acham que eles vão conseguir resolver a situação? Deixem as vossas opiniões aqui nos comentários. E obrigada a quem tem acompanhado :) Fiquem bem e até o próximo capítulo!