Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

You And I

16
Mar19

You And I - Capítulo 21


JustAnOrdinaryGirl

Imagem relacionada

Emma voltou a reunir-se com o grupo assim que eles ficaram livres para o almoço. Como era sexta-feira, tinham a tarde livre, dando-lhes mais tempo para desfrutarem do almoço

- Conseguiste andar pela cidade sem te perderes? - Nick perguntou a Emma quando se sentaram à mesa da pizzaria onde iam almoçar

- Consegui - Emma sorriu, orgulhosa de si mesma - Há sítios que continuam tal como eu me lembrava deles, não foi difícil - acrescentou - E vocês, estão livres das aulas para esta semana? 

- Sim, felizmente, mas ainda vou ter treino de futebol à tarde - Leo disse

- E eu vou ter treino da claque - Alycia disse

- E nós vamos aproveitar a tarde para namorar - Alex disse, olhando para a namorada

- O que significa que estás por minha conta cara amiga! - Nick disse a Emma, que fingiu ficar desiludida - Tens alguma ideia em mente para a nossa tarde?

- Há algum problema se formos assistir ao treino da claque? - Emma perguntou - Sempre adorei a claque, apesar da minha falta de jeito e coordenação - explicou

- Podes ir na boa, há sempre pessoal a assistir aos ensaios - Alycia disse - Além disso, hoje ensaiamos ao pé da equipa de futebol - anunciou

- Ótimo, assim também tenho algum apoio nas bancadas - Leo falou - O Tim fica sempre com as miúdas todas a gritar por ele, eu também mereço ter lá alguém! - disse num tom que indicava que estava, claramente, a brincar

- Vê lá que se quiseres eu e a Emma podemos levar uns cartazes de apoio - Nick disse com um ar bastante sério

- Nem penses! - Leo impediu, fazendo o resto do grupo rir. O resto do almoço foi passado na conversa. Emma contou aos grupo algumas coisas sobre a sua cidade, a escola, as saudades que sentia de viver ali e de passar os dias com Nick e Laura. Quando terminaram, aproveitaram o sol que fazia e foram beber um café a uma esplanada, onde ficaram a fazer tempo até à hora do treino.

- Encontramo-nos na escola? - Leo perguntou à irmã - Ou vais de boleia com o Alex?

- Vou de autocarro contigo. Não queremos correr o risco de sermos vistos pelo pai, ainda é cedo para isso - Laura informou. O grupo acabou por se separar. Laura e Alex seguiram para o seu passeio romântico e Nick e Emma acompanharam Alycia e Leo aos respetivos treinos. Quando chegaram ao pavilhão, Clarissa e Tim incluídos. Quando os viu chegar, Tim deixou Clarissa e aproximou-se de Leo. 

- Hey! - Tim cumprimentou o grupo e recebeu cumprimentos de volta - Hoje trouxeste claque própria, estou a ver - Tim comentou, passando o olhar pelos outros três e parando em Emma - És nova cá na escola? Já te tinha visto de manhã, no bar - disse

- Estou apenas de visita - Emma respondeu. Não conhecia Tim pessoalmente mas já tinha ouvido falar dele

- A Emma é nossa amiga desde que éramos miúdos. Veio até cá visitar a nossa família e o Nick - Leo apresentou - Emma, este é o Tim - Emma sorriu em resposta, não dando grandes confianças ao rapaz que a olhava com atenção de mais para seu gosto. - Bem, e agora vou ter de me ir equipar. Até já, pessoal! - Leo despediu-se e acabou por entrar com Tim na zona dos balneários. Alycia seguiu também para o balneário feminino, onde algumas raparigas já se encontravam.

Nick e Emma sentaram-se numa zona das bancadas que permitia ver ambos os treinos. Passados poucos minutos, tanto as raparigas como os rapazes entraram em campo e cada uma das equipas iniciou o aquecimento.

 - Aquela Clarissa tem mesmo a mania que é a líder, não? - Emma perguntou ao ver como Clarissa se pavoneava pelo espaço. Nick acenou a cabeça em resposta e encolheu os ombros. Clarissa sempre tinha sido assim, sempre tinha gostado de ser o centro das atenções. - Não te sabia assim tão interessado em futebol, Nick! - Emma disse quando o treino já ia a meio. Nick ainda não tinha desviado o olhar

- E não me interesso assim muito... - Nick disse, olhando para a rapariga - Que olhar é esse!? - perguntou ao ver como a amiga o encarava

- Pela maneira como tens estado atento ao treino deles, diria que gostavas de estar na equipa... - ela reparou - Ou então estás apenas a observar um jogador em particular... - acrescentou, sabendo bem que era isso que estava a acontecer

- Não digas disparates, Emma! - Nick disse, tentando desvalorizar a situação - Estava apenas a ver o treino, tal como tu tens estado a ver o treino da claque - acrescentou

- Vá lá, Nick, sabes que podes confiar em mim - Emma disse, olhando-o com atenção - Eu ja percebi que se passa alguma coisa. Tu gostas dele, não gostas? - ela perguntou e viu o sorriso envergonhado no rosto do amigo - Ele sabe?

- Não e eu não quero que saiba - Nick disse - Eu não quero que as pessoas comecem a mandar bocas, percebes? Há quem saiba que eu sou gay. Na verdade, agora que o Tim sabe, tenho a certeza que a maioria da escola sabe. Mas eu não me importo que saibam, não é algo que tenha de esconder. Só não quero que o Leo oiça bocas e isso, percebes? Só eu, tu e a Laura é que sabemos. - ele explicou e Emma garantiu que aquilo ficaria apenas entre eles os três, tal como tinha acontecido no passado. - Obrigada! 

*************************

- Estou a adorar este passeio - Laura disse enquanto caminhava de mãos dadas com Alex. Os dois tinham decidido passar a tarde na praia onde tinham começado a namorar. O céu estava um pouco encoberto, apesar de o sol ainda se fazer notar pelo meio de algumas nuvens. Mesmo assim estava um tempo agradável para passear - Acho que este será sempre o nosso sítio especial - comentou, sorrindo.

- Tu mereces ter um síto especial - Alex disse-lhe e encarou-a. Acabaram por se sentar perto da beira-mar, suficientemente afastados para não acabarem molhados - Foste a melhor coisa que me aconteceu e ainda bem que acabei por vir parar a esta escola - ele acrescentou. Aproximou-se de Laura para lhe dar um beijo nos lábios, que acabou por se tornar num beijo mais prolongado

- Nunca me chegaste a contar porque é que saíste da tua escola antiga... - Laura lembrou. Sabia que a família de Alex se tinha mudado para ali mas não sabia pormenores sobre o assunto

- A minha mãe ficou desempregada e decidimos vir para cá, para mais perto da nossa família - Alex contou - E nunca pensei dizer isto mas ainda bem que a minha mãe perdeu aquele emprego. Eu estava numa escola onde era gozado e criticado por ser cigano e sei que a minha mãe também ouvia muitas bocas por ser casada com um cigano. As pessoas achavam que ela merecia mais, que o devia deixar e casar com alguém como ela - o rapaz contou e Laura viu a tristeza no seu olhar - No fundo, sei que a minha mãe não ficou totalmente triste por perder aquele emprego, mesmo gostando do que fazia - acrescentou - Felizmente as coisas mudaram desde que viémos para cá. Os meus pais têm um emprego onde são felizes e apesar de eu ainda ser bastante criticado, as coisas mudaram imenso. E tenho-te a ti, o que compensa tudo - voltou a beijá-la

- E a tua mãe foi bem aceite na família? - Laura perguntou. Sempre tivera curiosidade

- No início ficaram um pouco reticentes, mas não por não gostarem dela. Apenas tiveram receio que ela levasse o meu pai a abandonar as tradições da família, as suas crenças e ideias. Mas quando perceberam que a minha mãe nunca o iria mudar e que respeitava a cultura cigana como se fosse uma deles, eles aceitaram-na e isso acabou por não fazer diferença nenhuma. -  Ele contou - E com a família da minha mãe aconteceu o mesmo. Na verdade, a minha mãe conheceu o meu pai porque um primo dela é casado com uma cigana. Foi algo natural - ele sorriu, feliz com a família que lhe tinha calhado na rifa. Depois de Laura ter esclarecido as suas dúvidas, os dois aproveitaram o tempo que ainda tinham para namorar mais um bocadinho. O que só fez com que o tempo passasse demasiado depressa. Quando regressaram à escola, Alycia, Leo, Emma e Nick estavam sentados junto à entrada. 

- Finalmente, pombinhos! - Alycia provocou - Ainda perdemos o autocarro por vossa causa! 

- Cala-te que tu nem sequer vais de autocarro! - Laura respondeu, escapando à rasteira de Alycia, que le mostrou a língua

- Mas nós vamos e temos mesmo de nos despachar - Leo disse, olhando para o relógio. Enquanto o resto do grupo de despedia, Laura colocou os braços à volta do pescoço de Alex, que lhe rodeou a cintura, e despediram-se com um beijo. Segundos depois, a buzina de um carro tocou insistentemente. Laura e Alex separaram-se e olharam na mesma direção para onde toda a gente que ali estava olhou. Laura engoliu em seco e sentiu o chão fugir-lhe debaixo dos pés. Olhou para o irmão, que já estava ao lado dela - O que é que o pai está aqui a fazer? - Leo perguntou. - Anda, vamos embora antes que as coisas piorem - Leo disse, o que fez com que a irmã saísse do transe em que se encontrava. O irmão tinha razão, tinham de ir. 

- Não te preocupes, eu fico bem! -  Laura garantiu a Alex, apertando-lhe a mão. Ao lado de Leo e Emma, Laura seguiu para o carro que a aguardava. O pai não disse nada quando entraram, apenas arrancou a toda a velocidade dali. 

- Eu vou ter com ela! - Alex disse de repente - Não a posso deixar sozinha! 

- Não, não vais, Alex - Nick impediu-o - Se fores só vais piorar as coisas, acredita em mim. A Laura vai conseguir resolver esta situação, tenho a certeza. E estão lá a Emma e o Leo. Por favor, Alex! - Nick pediu e só descansou até ter a certeza de que Alex não ia fazer nada. Já bastava o que tinha acontecido.

......................

Bom dia! Aqui fica mais um capítulo de You And I e eu espero que vocês gostem! Admito que escrever estas partes mais calmas é o mais difícil para mim. Nunca sei bem como desenvolver. Gosto muito mais de escrever as partes dramáticas. Às vezes enolvo-me de tal maneira quando as estou a escrever que parece que sou uma das personagens. E vêm aí algumas partes bem dramáticas, como podem imaginar por este final de capítulo. O que acharam? Deixem as vossas opiniões e obrigada a quem tem acompanhado :) Fiquem bem e até ao próximo capítulo! 

P.S. Agora, no fundo do blog, está a playlist de You And I. São as músicas que me inspiram nesta história e que estão relacionadas com a história e personagens. Infelizmente não consegui colocar as músicas de outra forma, mas espero que gostem :)