Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

You And I

16
Fev19

You And I - Capítulo 18


JustAnOrdinaryGirl

 

- É mesmo quem eu estou a pensar! - Laura acabou por afirmar depois da hesitação de Nick em dar resposta àquela pergunta. Na verdade, bastava olhar para ele, para o leve brilho no olhar e para as faces ligeiramente ruborizadas. - Parece que estou a ter um déjà vu! - Laura acrescentou, um pouco em tom de brincadeira para aliviar o embaraço de Nick. 

- Também senti o mesmo no início, sabes? Quando estes sentimentos começaram a aparecer... A reaparecer... - Nick concordou com a melhor amiga - Mas da outra vez eu era um miúdo, tinha uns onze ou doze anos e nem sequer sabia que era gay - admitiu. Sabia bem poder desabafar sobre aquilo

- Pensando bem e vendo bem as coisas, acho que faz sentido voltares a ter sentimentos por ele - a rapariga concluiu - Ele foi a tua primeira crush, foi por causa dele que descobriste que gostas de rapazes. Acho que essas coisas raramente se esquecem. - Explicou o seu ponto de vista, mostrando que entendia o rapaz e o que ele estava a sentir. - Achas que é novamente uma paixoneta, uma coisa passageira ou é algo mais sério? - acabou por perguntar e ficou a observar a expressão séria de Nick. Não precisava de palavras para, mais uma vez, ficar a saber a resposta dele. Mas ele deu-a na mesma:

- É diferente... Eu gosto mesmo dele, Laura! - admitiu sem desviar o olhar do dela - Mas...

- Mas o meu irmão não é gay... - Laura concluiu a frase por ele e, logo de imediato, abraçou-o. Ficaram assim até sentirem o barulho de um carro a aproximar-se do local onde estavam. Desfizaram o abraço e olharam para o carro agora estacionado, de onde saiu Leo. O irmão de Laura acenou assim que os viu e começou a caminhar para eles. Não foi preciso Nick pedir a Laura que aquele assunto ficasse por ali, a rapariga sabia que tinha de ser assim. 

- Olá.. - Leo cumprimentou-os. Deu um beijo na bochecha da irmã e um cumprimento de mão a Nick. Depois, sem acrescentar nada, sentou-se ao lado deles.  

- Não me digas que estavas apeas com saudades nossas e querias vir até aqui só para olhar para nós! - Laura provocou o irmão quando ele não disse nada

- Que engraçadinha que ela é! - Leo mostrou-lhe a língua - Não percebo como é que a aturas tanto, Nick! - Foi a vez de ele provocar e, ao invés de simplesmente lhe mostrar a língua, Laura deu-lhe um valente empurrão - Mas não, apesar de vocês serem boa companhia, não vim matar saudades. Eu venho agora do escritório do pai - começou, focando-se no assunto que o trazia ali

- Pois, reparei por causa do carro - Laura disse. Normalmente o pai é que ficava com o carro e os filhos regressavam a casa de autocarro - Como é que ele volta para casa?

- Ele tem um jantar por causa de um negócio e depois vai de táxi - Leo informou - Mas enquanto eu lá estava, aconteceu uma coisa - voltou ao assunto - Quando eu saí do escritório dele, estava uma pessoa na sala, à espera para entrar - continuou, fazendo várias pausas. 

- Quem?! - Laura perguntou perante tanta hesitação do irmão mais velho - O pai recebe imensas pessoas, é normal... 

- Mas não é normal receber a Clarissa! - Leo acabou por dizer, deixando os outros dois de olhos arregalados, surpresos com aquilo - Começas a perceber onde está o problema?

- O que é que ela estava a fazer no escritório do vosso pai? - Foi Nick quem perguntou. Também ele estava preocupado. Depois do que se passara entra ela e Leo, e depois do estalo de Laura, ele sabia que Clarissa não se ia ficar, não era isso tipo de pessoa. Com ela tinha de haver sempre mais, ela tinha de sair sempre por cima.

- Quando ela me viu lá, deu a desculpa de que tinha ido falar comigo. Ainda pensei que ela me tivesse seguido e acabei por mandá-la embora. Saímos juntos e, apesar das tentativas dela, não houve conversa nenhuma. - Leo contou - Depois tive de voltar atrás porque me esqueci da mochila e a Joanna contou-me a verdade - revelou - A Joanna é a secretária do meu pai - explicou a Nick

- Mas se ela não ia lá falar contigo, o que é que ela ia lá fazer? - Laura perguntou, confusa

- A Joanna disse-me que ela chegou lá a dizer que era nossa amiga e que estava preocupada contigo porque tu andas com más companhias - confessou, deixando os outros dois em estado de choque - Tenho a certeza que, se eu não estivesse lá, ela estava prestes a contar ao pai que andas com o Alex - concluiu

- Ai que cabra! - Laura disse, furiosa com o que acabava de ouvir - Ela quer vingar-se do estalo que eu lhe dei - percebeu

- Felizmente eu estava lá, mas se não estivesse, a esta hora tinhas o pai furioso - Leo disse, preocupado com a irmã - Tu vais ter de contar ao pai que namoras. Talvez não tenhas de dizer já quem ele é, mas pelo menos diz-lhe que tens namorado. - aconselhou

- O teu irmão tem razão, Laura - Nick, calado há algum tempo, concordou - E devias fazer com que a Clarissa percebesse que o teu pai sabe e que aceita a relação. É a única maneira de ela desistir dessa ideia - sugeriu

- Eu também acho. A Clarissa não é de desistir. Se ela se quer vingar, ela vai fazê-lo - Leo disse, sabendo bem do que a ex-namorada era capaz. Ele sempre a tinha adorado, de mais é certo, mas conhecia bem a personalidade dela - Neste momento, a única coisa que ela tem contra ti é o facto dos pais não saberem do Alex. Se não tiver isso, não se pode vingar. Pelo menos não por enquanto - Leo concluiu o seu raciocínio. Sabia que Clarissa poderia atacar com qualquer coisa, a qualquer momento

- Se a Clarissa se quer vingar da Laura, não achas que ela vai querer fazer alguma coisa contra ti? - Nick perguntou. Ainda nenhum deles tinha pensado nisso - Acabaste com ela na escola, discutiram à frente de imensa gente. Ela só gosta de escândalos quando não é ela a vítima - explicou o que o levava a pensar assim 

- O Nick tem razão, Leo - Laura concordou, agora preocupada com o irmão - Maldita a hora em que aquela miúda apareceu nas nossas vidas! - resmungou. Se Clarissa estivesse ali ao lado dela, as coisas iam azedar ainda mais. Tinha até medo de a ver na escola no dia seguinte. 

- A Alycia! - Nick disse de repente, fazendo os outros dois olharem para ele, confusos por momentos - Foi a Aly quem te contou, Leo! - relembrou-os - Foi ela que te contou a verdade e por isso tu acabaste com ela. Se ela se quer vingar da Laura por causa de um estalo, não achas que vai querer prejudicar a pessoa que "causou" o fim do vosso namoro? - Leo e Laura perceberam finalmente a preocupação presente no tom de voz de Nick. Ele tinha razão. Se Clarissa queria vingança, Alycia seria o seu principal alvo. 

- Tirando nós e o Alex, mais ninguém sabe da verdade - Laura disse - Não podemos contar a ninguém que a Alycia sabia. E vamos ter de lhe contar isto, ela tem de ter cuidado para não dar nenhuma pista. A Clarissa já não gosta dela, já a tentou prejudicar com a claque. A Aly não merece! - Também ela estava preocupada com a amiga 

- Temos de estar atentos e não permitir que a Clarissa arranje algo que vos prejudique - Nick disse. Os três concordaram, ficando mais alguns minutos a falar naquele assunto. Chegaram à conclusão que, o primeiro passo, seria Laura contar aos pais que namorava e deixar Clarissa pensar que o namoro era aceite. Depois teriam de ver o que a cheerleader planeava fazer. 

- E se fôssemos andando? Está a ficar escuro e frio aqui - Laura sugeriu

- E estou a ficar cheio de fome - Leo queixou-se - Jantas lá em casa, Nick? - perguntou ao amigo

- Claro que sim, os vossos pais vão adorar a ideia! - Nick ironizou

- Vá lá, Nick! O meu pai não está e aposto que conseguimos convencer a minha mãe! - Laura pediu, fazendo um pequeno beicinho - Please!!

- Ok, tudo bem! - Nick concordou. Laura betau palmas de felicidade e os dois rapazes riram

- Podias até dormir lá em casa, como nos bons velhos tempos! - Laura sugeriu. Tinha saudades dos serões de filmes e conversa com Nick.

 - Claro, como nos tempos em que o pai achava qe vocês eram namorados, ao contrário de agora, que acha que o Nick me pode "converter" ou seja lá o que ele diz - Leo ironizou, fazendo os outros dois rir. No entanto, Nick e Laura sabiam mais do que ele, mas não disseram nada, apenas riram do comentário de Leo. Os três dirigiram-se ao carro, deixando o parque para trás. 

- Eu vou atrás! - Laura quase gritou, entrando de imediato no carro para não dar hipótese a Nick de barafustar. Leo pôs o carro a andar e seguiram viagem, enquanto pensavam em maneira de convecer a mãe dos dois a deixar Nick jantar com eles.

.......................

Boa tarde! E aqui fica mais um capítulo, espero que gostem :) Na semana passada não consegui publicar nada, desculpem. Mas espero que este compense, com a revelação da "famosa" crush do Nick. Estavam à espera? O que acham que vai acontecer? E o que acham desta vontade de vingança da Clarissa? Deixem as vossas opiniões aqui nos comentários :) E obrigada a quem tem lido e acompanhado! Fiquem bem e até ao próximo capítulo!