Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

You And I

12
Dez15

"I Never Told You" - Capítulo 17


JustAnOrdinaryGirl

 

Lauren sentiu o sol que entrava pela janela bater-lhe nos olhos. Tentou abri-los, mas sem eficácia, pois aquela claridade toda deixava-a com dores de cabeça ainda mais fortes. Depois de algum esforço consegui por fim enfrentar a claridade e tentou senta-se na cama. Mal o fez, sentiu tudo andar à roda, tendo de se encostar de imediato ao cimo da cama. Olhou em volta, não conhecendo de todo o lugar onde se encontrava. Fez um esforço por se lembrar, conseguindo ao fim de alguns minutos recordar-se do que se passara na noite anterior. Um misto de raiva, vergonha e tristeza invadiu-a, deixando-a mais maldisposta do que já estava. E o cheiro a torradas que se fazia sentir deixou-a ainda pior, pelo que teve de se levantar e correr à procura de uma casa de banho.

Quando voltou ao quarto, encontrou um Kyle preocupado, sentado ao fundo da cama. Olhou-a e levantou-se de seguida dirigindo-se a ela. Ela continuava de pé, à entrada daquela divisão, mas assim que o viu levantar-se, entrou na divisão e pegou nas suas coisas. Foi impedida de sair pelo rapaz, que a segurou por um braço e a fez encará-lo.

- Temos de falar, Lau –Kyle disse, olhando-a fixamente – sobre o que aconteceu ontem à noite.

- Não temos nada para falar – Lauren disse seca – e não me chames Lau. O meu nome é Lauren – tentou soltar-se, mas sem efeito, pelo que bufou.

Sem a largar e sem desviar o olhar, Kyle empurrou a porta para a fechar, fazendo depois sinal a Lauren para que se sentasse. Ela acabou por assentir, contrariada, mas era a única forma de Kyle a largar. Sentou-se na cama do rapaz e ele sentou-se numa cadeira à sua frente. Estiveram em silêncio alguns minutos, até Kyle quebrar aquele silêncio ensurdecedor.

- O que é que se anda a passar, Lauren? – o moreno começou continuando a olhar para ela que tinha agora os seus olhos nas mãos – Não achei que as coisas chegassem a este ponto

- Que ponto? Ao ponto de dizeres que me amas e blá blá blá e no momento seguinte estás enfiado dentro de uma casa de banho com a minha melhor amiga? – Lauren disse furiosa, levantando-se e indo encostar-se à janela. Preferia olha lá para fora do que olhar para a cara de Kyle e desatar a chorar mesmo à frente dele.

- Estás para aí toda chateada mas no entanto também andaste aos beijos com o Aiden – Kyle disparou aquelas palavras, vendo que tinha atingido Lauren em cheio

- Eu não o beijei, foi ele que me beijou – Lauren disse, seca, estava a ficar sem paciência para aquela conversa que tinha a certeza que não deveria acabar da melhor forma – Mas espera lá, só porque o Aiden me beijou isso já vai desculpar que tu tenhas voltado a curtir com a Jessica?

- Não desculpa nada, Lauren – Kyle disse, encarando a morena sentada à sua frente – Eu apenas fiz aquilo porque achei que tinhas decidido seguir em frente com o Aiden. E ainda por cima beijaste-o sabendo que eu podia chegar a qualquer momento – o rapaz falou, mostrando-se triste

- Como raio eu ia adivinhar que tu ias aparecer? – a expressão de Lauren mostrava confusão

- Talvez porque me pediste para ir ter contigo ao café. Mandaste-me uma mensagem… - Kyle a continuar, mas foi interrompido pela morena

- Espera lá! Eu não te mandei mensagem nenhuma, Kyle! – Ela começou encarando-o – Eu fui ter ao café porque achei que pudesses lá estar, mas como não estavas fiquei na conversa com a Ruth e depois o Aiden apareceu – Lauren ia continuar, mas uma espécie de “luz” acedeu-se naquele momento – Eu não acredito que isto me está a acontecer… - Levantou-se e começou às voltas pelo quarto, deixando Kyle confuso

- Esclarece-me, por favor!

- O Aiden apareceu lá, muito sorridente e pediu para falar comigo – Lauren começou, voltando a sentar-se em frente de Kyle e encarando-o – Ele pediu para irmos falar lá fora. E dias antes a Jessica disse que enquanto eu e tu não nos decidíamos, vocês podiam voltar a curtir – Lauren limpou algumas lágrimas de raiva e desilusão que tinham aparecido no seu rosto sem ela se aperceber – Eles planearam isto tudo para nos afastar, Kyle!

- Achas mesmo que eles seriam capazes de algo assim? – Kyle admirou-se – Eu sei que não os conheço muito bem, mas eles são os teus melhores amigos. E a Jessica, tens a certeza de que era capaz de algo assim?

- Vê-se mesmo que não conheces a Jessica – Lauren suspirou antes de continuar – Ela é uma boa amiga, mas quando alguém a magoa, é capaz disto e muito mais. Só nunca pensei que fosse capaz de o fazer comigo.

- Lamento que a vossa amizade tenha chegado a este ponto, Lauren, ainda por cima por causa de mim – Kyle lamentou-se

- Eu sei que nós errámos, Kyle – a morena começou, aproximando-se mais dele – Eu devia ter contado a verdade à Jessica, tu não te devias ter metido com ela, mas… se nós errámos, eles também erraram e neste momento já não sei quem terá errado mais. – A rapariga segurou uma lágrima que queria soltar-se. Não era hora de chorar.

- E agora? – Kyle questionou, não fazendo ideia de como reagir perante esta situação

- Agora chega! – ao ouvir a morena dizer isto, Kyle ergueu uma sobrancelha, confuso – Chega de ter medo de fazer sofrer pessoas que eu achava que nunca me fariam algo assim – Lauren foi pegar nas suas coisas enquanto continuava a falar – Durante estes últimos dias não tenho feito outra coisa se não pensar em como resolver as coisas com toda a gente, em como resolver as coisas connosco

- E agora já sabes?

- Vou falar com o Aiden e com a Jessica, estou farta de jogos, de zangas, de tudo – Lauren passou por Kyle, abrindo a porta do quarto onde estavam fechados há imenso tempo

- Não faças nada de que te arrependas e nada que te magoe ainda mais, Lau – Kyle disse preocupado

- Não te preocupes, estou farta de fazer isso. A partir de agora vai ser por mim – Lauren ia sair do quarto, mas antes sorriu a Kyle, aproximou-se dele e deixou-lhe um pequeno beijo nos lábios – Vai ser por nós! – E ao dizer isto, saiu do quarto, não dando tempo que o rapaz dissesse mais alguma coisa.

.....................

Boa noite! Aqui está o capítulo desta semana, espero que gostem :) Eu sei que as coisas se resolveram um pouco depressa, mas como a história não está muito longe de acabar, achei que seria melhor assim, até porque ainda faltam acontecer outras coisas e esta "zanga" não faria sentido durar muito tempo. Mesmo assim, espero que gostem, deixem as vossas opiniões :) Fiquem bem e até ao próximo capítulo!