Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

You And I

18
Out14

"Our Love (2)" - Capítulo 5


JustAnOrdinaryGirl

 

Ashley estava atrás do balcão da loja e, desde que chegara, ainda não tinha parado de andar de um lado para o outro.

 

Ashley: Rachel! Ainda bem que chegaste!

Rachel: Desculpa a demora. Eu e o Daniel ainda tivemos de passar em casa.

Ashley: Em casa?! Mas não era lá que vocês estavam?

Rachel: Não! Nós passámos a noite em casa dos meus pais. Parece que o meu pai finalmente começa a aceitar. Mas é uma história para mais tarde. Quando me ligaste parecias nervosa e agora que te vejo… o que é que fizeste desta vez, Ash?

Ashley: Porque é que achas que fiz alguma coisa?!

Rachel: Porque te conheço bem e sei que ficas com essa cara quando fazes alguma… e a maioria das vezes é quando fazes algo... como é que hei de dizer… algo menos correto! O que é que foi desta vez?

Ashley: Eu…

***

Louis: Bom dia!

Rachel: Olá, Louis! Não devias estar nas aulas?

Louis: Tinha de resolver uma coisa primeiro. Hum… estão a meio de alguma coisa importante ou posso falar contigo, Ashley?

Rachel: Claro que podes falar com ela. Ashley, depois vais ter comigo à universidade? Para almoçarmos e falarmos um bocado?

Ashley: Claro.

Rachel: Ok, então até logo. Xau, Louis!

Louis: Xau!

 

Assim que Rachel fechou a porta da loja, Ashley respirou fundo e esperou que Louis falasse, o que não demorou muito tempo.

 

Louis: Posso saber o que é que se passou esta noite?

Ashley:

***

Daniel: Alguém sabe do vosso colega Louis?

Olivia: Não, professor Daniel! Mas, segundo a fama dele aqui na escola, ou está no canto dos fumadores ou está simplesmente a baldar-se.

Daniel: O Louis não é propriamente assim, Olivia. Além disso, esta aula é importante e ele deveria estar cá. Amanhã temos teste.

Olivia: Parece-me que o professor está mais preocupado que ele. Mas, já que esta aula é importante, talvez seja melhor continuar…

Daniel: Claro… Alguém tem alguma dúvida?

Olivia: Sim, professor Daniel, eu tenho algumas!

 

E, ao dizer isto, Olivia sorriu, sem nunca tirar os olhos de Daniel. Ele apenas se virou para o quadro e soltou um pequeno suspiro. E esse suspiro tinha dois motivos: primeiro, estava preocupado com Louis e segundo, Olivia agia de uma forma estranha, o que o levava a pensar que talvez Louis tivesse razão quando disse que a aluna poderia estar interessada nele. Afastou estes pensamentos e continuou com a aula.

 

***

Jake: Desculpem estar a interromper mas… Ashley, preciso que me ajudes a trazer umas caixas do armazém. E tem de ser agora!

Ashley: Claro…

Louis: Desculpa mas estamos a ter uma conversa que precisa de ser terminada. E tem de ser agora!

Jake: Pois, mas lamento informar que a Ashley está a ser paga para trabalhar e não para ter conversas. Ashley?

Ashley: Falamos depois, Louis, a sério!

Louis: Eu fico a noite toda à tua espera, não apareces e agora é assim? Mas tudo bem, vou para as aulas…

Ashley: Louis…

Louis: Esquece, Ash. Vai lá trabalhar…Afinal, é para isso que te pagam!

 

E depois disto, Louis saiu da loja sem olhar para trás. Depois de tudo, gostava que as coisas fossem diferentes entre ele e a namorada. Seguiu em direção à escola, apesar de já não ir a tempo da aula que tinha nessa manhã. Mas foi para lá mesmo assim. Precisava de um amigo com quem falar e sabia que só lá poderia encontrar um de confiança: Daniel.

 

***

Christian: Rachel!

Rachel: Oh, olá, Chris! Passa-se alguma coisa?

Christian: Não, não se passa nada. Queria só perguntar-te se já tens par para o trabalho que o professor pediu…

Rachel: Não, ainda não tenho. Tu tens? É que se não tiveres, podemos aproveitar para fazer este trabalho os dois. Sempre é melhor fazer com uma pessoa conhecida do que com alguém com quem não nos damos muito.

Christian: Era mesmo isso que te queria dizer… E… tens alguma coisa marcada para o almoço?

Rachel: Sim, por acaso já combinei almoçar com a minha melhor amiga. Mas podes vir connosco se quiseres!

Christian: Não leves a mal, mas não vou aceitar. Eu sei que as melhores amigas têm sempre assuntos importantes para falar e não me quero meter.

Rachel: Por acaso até acertaste. Acho que ela está mesmo com algum problema. Mas noutro dia podes vir connosco. Tens algum dia em que prefiras fazer o trabalho?

Christian: É um qualquer. Dizia-te para irmos fazer para minha casa mas está lá a minha irmã e ela é um bocadinho…chata…quando eu levo raparigas lá a casa. Não quero que te sintas mal lá, se é que me entendes.

Rachel: Sim, entendo. Mas não te preocupes, podemos fazer aqui ou em minha casa. Assim não teremos os problemas das irmãs “chatas”. Mas pensei que não eras daqui…a tua irmã veio contigo?

Christian: Não, ela já cá estava. Vivíamos todos no Tennessee, numa aldeia de lá, mas depois os meus pais divorciaram-se. A minha irmã e a minha mãe vieram viver para cá e eu fiquei lá com o meu pai. A minha irmã também era para ficar mas…ela é mais menina da cidade. Mas agora que entrei nesta universidade, decidi vir morar com elas.

Rachel: Ah, ok! Mas estás a gostar da cidade?

Christian: Muito maior que a minha aldeia, mas sim, estou a gostar bastante. Sempre viveste aqui?

Rachel: Sim. O meu pai nunca iria aguentar viver numa aldeia, portanto, a cidade sempre foi a nossa casa.

 

Ashley: Olá! Interrompo?

Rachel: Ashley! Claro que não! Este é o Christian, é meu colega de turma e podemos dizer que um dos poucos amigos que já fiz na universidade. Chris, esta é a Ashley, a minha melhor amiga, de quem te falei há pouco!

Ashley: Olá! Estiveram a falar de mim, foi?

Rachel: Apenas lhe estive a dizer que ia almoçar contigo.

Ashley: Ah, ok. Se quiseres vir connosco, estás à vontade!

Christian: Fica para a próxima, mas obrigada! Bom, eu vou andando. Foi um prazer, Ashley. Até logo, Rach!

 

Ashley: Giro, ele!

Rachel: Nem comeces! Onde é que queres ir almoçar?

Ashley: Podemos conversar antes de irmos?

Rachel: Claro que sim! O que se passou tem a ver com o Louis, não tem?

Ashley: Mais ou menos! Ontem à noite aconteceu uma coisa e eu não sei bem como é que hei-de contar-lhe. Tenho medo que ele reaja mal.

Rachel: Foi assim tão grave?

Ashley: Não, não foi. Até porque não aconteceu nada de mais mas… sabes como o Louis é ciumento!

Rachel: Então tem a ver com outro rapaz? Tu…traíste o Louis?

Ashley: Tem a ver com um rapaz mas sem traições. Sabes que amo o Louis! A verdade é que ontem fiquei de ir ter com ele quando saí da loja mas não fui. Fiquei a fazer o inventário com o Jake, o meu supervisor. Quando estava a sair da loja para ir ter com o Louis, a polícia não me deixou tirar de lá o carro por causa da chuva. Como não podia ir a pé, voltei para a loja e depois acabei por ir dormir a casa do Jake. Mas eu juro que não se passou nada!

Rachel: Então só tens uma coisa a fazer, amiga. Conta a verdade ao Louis!

***

Louis: Preciso de falar contigo, meu!

Daniel: Para me dares uma justificação da tua falta? Pensei que este ano ias agir de maneira diferente. Além disso sabias que esta aula era importante.

Louis: Eu tive de ir falar com a Ashley!

Daniel: Aconteceu alguma coisa?

Louis: Não sei, mas acho que sim! E para ser sincero, acho que tenho medo de saber o que foi.

Daniel: Se tens medo que ela te tenha traído, digo-te já que ela não é assim. Não depois de tudo o que se passou entre vocês. Liga-lhe e resolvam as coisas!

Louis: Acho que não é preciso ligar-lhe. Ela está a ligar-me a mim!

 

#I nício da chamada #

Ashley: Louis! Precisamos de falar. Podes vir ter comigo ao jardim onde costumamos ir?

Louis: Claro, vou para lá agora! Até já!

Ashley: Só mais uma coisa. Eu amo-te e quando eu estiver a falar contigo, quero que me oiças até ao fim e que não comeces logo a disparatar. Até já!

# Fim da chamada #

 

.......................................

E que tal, gostaram? Acham que o Louis vai reagir bem? Não se esqueçam de deixar os vossos comentários e muito obrigada a quem tem lido e comentado :) Até para a semana! Fiquem bem :)