Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

You And I

29
Mar14

"Our Love" - Capítulo 11


JustAnOrdinaryGirl

 

Daniel levou Rachel a dar um passeio por uma zona sossegada, onde tinha a certeza que ninguém os iria ver. Mas mesmo assim evitou destapar a cara toda. Aquilo era tão estranho para Rachel. Não acreditava que estava a passear, de mãos dadas, com um professor. Era das coisas mais estranhas, mas ao mesmo tempo uma das coisas que a deixava mais feliz. E Daniel sentia o mesmo. Seguiram calados durante alguns minutos, a aproveitar o momento.

 

Daniel: Se pudesse pedir um desejo, desejava que o tempo parasse para poder ficar assim para sempre contigo.

Rachel: Pois, mas não pode. Está a chegar a altura em que temos de tomar uma decisão. Não podemos ficar assim para sempre e o professor sabe disso.

Daniel: Pois sei. Mas ainda temos tempo e vamos aproveitar, pode ser?

Rachel: Pode... E como é que está a pensar aproveitar o resto do tempo?

Daniel: Primeiro preciso que pares de me tratar por você.

Rachel: Ok, eu vou tentar. Acha que…achas que vamos conseguir?

Daniel: Continuar com isto?

Rachel: Hmm-hmm

Daniel: Sim, só temos de arranjar a melhor solução.

 

Rachel sorriu e ao mesmo tempo tremeu com o frio que se estava a fazer sentir. Daniel colocou-lhe o braço à volta dos ombros e puxou-a para si. Continuaram a andar até chegarem ao carro de Daniel. Entraram e mantiveram-se em silêncio durante uns momentos. Depois, olharam um para o outro e Daniel fez uma festa na cara da rapariga.

 

Rachel: Os meus pais não estão em casa esta noite, queres ir até lá? Estou a precisar de tirar este fato. Está a ficar frio. E assim podemos estar e falar mais à vontade!

Daniel: Sim, podemos ir. Desde que me deixes tirar este fato de lobo também.

Rachel: Claro que sim!

 

Foram até casa dela, mas antes de convidar Daniel a entrar, Rachel foi confirmar se os pais não estavam mesmo. Era só o que lhe faltava os pais encontrarem o professor lá em casa àquelas horas da madrugada. Quando confirmou que estavam sozinhos fez-lhe sinal que entrasse e dirigiram-se à sala.

 

Rachel: Vou só tirar este fato. Fique…Fica à vontade!

Daniel: Ok. Hey, antes de ires...(aproxima-se dela e dá-lhe um beijo). Não te demores.

 

Rachel entrou no quarto e deixou-se cair em cima da cama. Estava tão contente que nem sabia como reagir às coisas. Ia vestir o pijama mas depois mudou de ideais e vestiu algo mais apresentável. Assim que se despachou, dirigiu-se à sala, onde Daniel a esperava.

 

Rachel: Se quiseres tirar o fato, podes usar o meu quarto. Tens alguma coisa para vestir ou precisas que te empreste alguma coisa do meu pai?

Daniel: Tenho aqui tudo. Onde fica o quarto?

 

Rachel indicou-lhe o caminho e depois foi até à cozinha preparar um chá e umas bolachas para comerem. Daniel já estava despachado mas, em vez de descer logo, ficou a observar as fotos que Rachel tinha no quarto. A maioria eram dela e Daniel deixou-se ficar. Pegou numa e passou os dedos pelo rosto da rapariga. Não imaginou que isto lhe pudesse acontecer mas agora que tinha acontecido, só queria que durasse para sempre. Mas sabia bem que ia haver complicações.

 

Rachel: Hey!

Daniel: Rachel! Não vi que estavas aí!

Rachel: Só aqui cheguei agora. O que estavas a fazer?

Daniel: Nada de especial. Só a ver o quão…perfeita és.

Rachel: Não exageres!

Daniel: Não estou a exagerar!

 

Aproximou-se dela e acariciou-lhe o rosto. Ela olhou-nos olhos. Aproximou a cara da dela e beijou-a com delicadeza. Ela retribuiu e o beijo tornou-se mais intenso. Rachel não tinha a certeza se o mais certo era continuar com aquilo pois sabia o que se seguia. Mas depois, quando Daniel parou de a beijar e a olhou nos olhos, teve a certeza que o que mais queria era estar com ele e aproveitar o tempo que ainda tinham antes daquele sonho se começar a parecer mais com um pesadelo. Voltou a beijá-lo e encaminharam-se para a cama, onde fizeram amor.

No final, Daniel abraçou-a e deixaram-se ficar. Aquilo estava a ser tudo tão perfeito que nenhum dos dois queria que chegasse ao fim. Mas tinham mesmo de tomar decisões antes do dia seguinte.

 

Rachel: Desculpa estar a estragar isto mas…chegou a hora…de tomarmos decisões!

Daniel: Eu sei.Talvez a coisa mais acertada seja eu deixar de dar aulas na escola. Posso procurar outra escola e assim podemos continuar juntos.

Rachel: Ou então eu posso falar com os meus pais e pedir transferência para outra escola. Há mais escolas aqui na zona, não ia ter de fazer viagens grandes para ir às aulas.

Daniel: Não, nem penses! Não posso permitir que abandones a tua escola, os teus amigos, a Ashley.

Rachel: Eu também não vou permitir que peças para sair da escola a esta altura do ano. Sei bem que no primeiro que se dá aulas não podemos ser esquisitos. E a esta altura do ano não ias arranjar colocação. As coisas estão difíceis.E ias dizer o quê? “Mudem-me de escola porque me envolvi com uma aluna”? Nunca mais ias ter oportunidade de dar aulas.

Daniel: Tens razão nisso tudo mas também não vais ser tu a abandonar a escola. Portanto…o que é que vamos fazer?

Rachel: Acho que só há uma coisa que podemos fazer e ambos sabemos o que é, certo?

Daniel: Tens a certeza?

Rachel: É a coisa certa, Daniel. Mas não te preocupes, se isto for verdadeiro, as coisas vão correr bem, apesar de tudo.

 

.........................

E pronto, aqui está mais um!

O que acharam deste? Gostaram ou não acharam nada de especial?

Não se esqueçam de deixar as vossas opiniões :)

E vemo-nos para a semana em mais um capítulo. Até lá. Fiquem bem!