Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

You And I

25
Jan14

"Our Love" - Capítulo 2


JustAnOrdinaryGirl

 

A campainha tocou a anunciar o fim da última aula da tarde mas Rachel deixou-se ficar sentada no seu lugar. Apesar de ser o fim das aulas para todos os alunos, ela ainda ia ter apoio de português. Tal como ela, o professor Daniel também se deixou ficar na sala, à espera que todos saíssem. Louis, para variar não tinha ido às aulas, assim como Ashley que, apesar de ter prometido que este ano não ia faltar, já estava a quebrar essa promessa.

 

Daniel: Parece que vamos ser só nós os dois…e o português! Preparada?

Rachel: Claro que sim!

 

A aula de apoio decorreu normalmente e, pela primeira vez, Rachel sentiu que aquilo não era assim tão difícil e, com algum esforço, ainda ia conseguir passar com uma nota decente.

 

Daniel: Acho que por hoje terminámos.

Rachel: Sim. Obrigada pela ajuda, professor. Acho que finalmente estou a entender o que estes poetas querem dizer.

Daniel: Fico contente por ouvir isso. Ainda vais sair daqui com vontade de ser professora de português.

Rachel: Não me parece. Por muito interessante que isto possa ser, prefiro ser professora de matemática. Os números são mais interessantes!

Daniel: Queres ser professora de matemática? Há poucas pessoas na tua idade a pensar seguir essa área.

Rachel: Pois, mas também só posso seguir isso se passar à sua disciplina.

Daniel: Estás no bom caminho. Bem, resolve essas fichas e na próxima aula traz-me as dúvidas que tiveres…

Rachel: Combinado. Até amanhã, professor!

Daniel: Adeus, Rachel!

 

Eram seis da tarde e Rachel continuava à espera que a mãe a fosse buscar. Como a aula terminava depois do último autocarro, tinha pedido à mãe que a fosse buscar. Mas estava atrasada, ou tinha-se esquecido. Pensou ligar a Ashley, pois a amiga já tinha a carta. Mas depois lembrou-se que a melhor amiga tinha faltado às aulas, o que significava que estava com o namorado. Apesar de aceitar que a amiga gostasse dele e de a querer ver feliz, não confiava em Louis e não gostava das influências que ele tinha sobre Ashley. Mandou mensagem à mãe, mas não obteve resposta. Decidiu que o melhor era esperar mais um bocado. Se ninguém aparecesse, teria de ir a pé para casa. Estava prestes a levantar-se para começar a caminhar quando deu conta de alguém a aproximar-se. Virou-se para ver quem era.

 

Daniel: Ainda por aqui, Rachel?

Rachel: Sim, estou à espera da minha mãe. Ela ficou de me vir buscar depois da aula de apoio.

Daniel: Mas passou uma hora. Aconteceu alguma coisa?

Rachel: Acho que não.

Daniel: Eu vou agora para casa. Dou-te uma boleia se quiseres. A escola vai fechar e não vale a pena ficares aqui sozinha.

Rachel: Não é preciso, professor. Eu posso ir a pé. Chego lá num instante.

Daniel: Podes achar estranho um professor dar boleia a uma aluna, mas juro que não passa disso.

Rachel: Não se preocupe que não pensei em nada para além de uma boleia. Mas não quero incomodá-lo. Ainda moro um pouco afastada daqui.

Daniel: Aí está um motivo para não ires a pé.

Rachel: Ok, eu vou aceitar. Obrigada!

 

Rachel seguiu Daniel até ao carro e depois indicou-lhe o caminho de casa. Chegaram lá em 20 minutos e não falaram de mais nada sem ser da matéria de português. E foi uma conversa que não teve mais de 10 minutos. Daniel, além de aparentar ser um ótimo professor, mostrava ser uma boa pessoa, preocupado com os seus alunos. Há muito que não via um professor assim. Se um dia desse aulas de matemática, gostava que os alunos gostassem dela, assim como gostavam dele ali naquela escola.

 

Rachel: Obrigada pela boleia.

Daniel: De nada. Parece que há alguém à tua espera. Não vais ter problemas por teres vindo de boleia? Se for preciso, falo com eles.

Rachel: Não se preocupe, professor. Eu falo com eles. Afinal, foram eles que se esqueceram de mim, não é verdade? Até amanhã.

Daniel: Até amanhã, Rachel.  

…….

 

MãeRachel: Quem é o rapaz que te trouxe, Rach?

Rachel: O meu professor de português.

MãeRachel: Mas o teu professor de português não era o Sr. Peter?

Rachel: Sim, mas ele teve uns problemas e deixou de dar aulas. Agora é o professor Daniel.

MãeRachel: E porque é que ele te veio trazer a casa?

Rachel: Talvez porque alguém se esqueceu de me ir buscar, mãe!

MãeRachel: Não me esqueci querida. Saí mais tarde do emprego. Vim só deixar a tua irmã em casa e ia sair quando te vi chegar. Desculpa.

Rachel: Tudo bem. Vou estudar.

MãeRachel: E como correu a aula de apoio? Ele ensina bem? Parece-me muito novo. Se vês que não tem experiência, podemos arranjar um explicador.

Rachel: Não é preciso. O professor Daniel ensina muito bem e hoje percebi muito melhor as coisas. Ele diz que vou no bom caminho. Vou estudar.

 

....................

E que tal? Estão a gostar?

Deixem as vossas opiniões! E até à próxima :)

Fiquem bem!

Pág. 1/5