Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

You And I

03
Fev13

"When a Lie Becomes the Trut h - Capítulo 6"


JustAnOrdinaryGirl

Nina e Ian foram até casa dele. Ian foi a viagem toda calado e Nina respeitou isso. Sabia que ela ainda gostava da ex-namorada e que seria difícil tirá-la da cabeça. Mas se isso fosse o melhor para ele, então Nina estaria lá para ajudá-lo. Quando chegaram a casa, Ian sentou-se no sofá, enquanto Nina preparou um chá com umas torradas para comerem enquanto falavam.

 

Nina: Estás bem?

Ian: Como é que ela consegue ser assim? Melhor, como é que eu me fui apaixonar por uma pessoa como ela?

Nina: Nunca ouviste dizer que o amor é cego?

Ian: Neste caso foi mesmo. O que é que eu faço Nina? Ela não merece que esteja assim por causa dela. Depois do que ouvi hoje, só quero é esquecê-la de uma vez por todas.

Nina: Ian, se estás a falar do que ela disse sobre mim, esquece isso. Não quero que tentes esquecê-la por causa de mim.

Ian: Não é só por isso Nina. Aquilo que ela disse em relação à traição também me magoou bastante.

Nina: Bem, mas se este nosso plano der certo, vais perceber o que ela sente e vais perceber o que tu sentes.

Ian: Ela chamou-te parva e estúpida. Desculpa por isso. Vieste parar a uma guerra que não é tua e ainda por cima és insultada e corres o risco de arranjares problemas. Se quiseres desistir, estás à vontade!

 

Nina olhou Ian nos olhos e segurou-lhe o rosto com ambas as mãos. Ele ficou a olhar para ela. Nina conseguia notar que Ian estava prestes a chorar.

 

Nina: Ian, já te disse que pelos amigos faço tudo, sem ter medo das consequências. Eu vou ajudar-te até ao fim, ouviste? Não te vou deixar sofrer sozinho. Isso nunca.

Ian: Obrigada!

 

Nina recostou-se no sofá e Ian deitou-se, pousando a cabeça nos joelhos de Nina.

 

Nina: Quem entrasse aqui agora ia pensar que nós somos namorados a sério. Parece que estamos a agir como um casal a sério.

Ian: Se calhar, se me tivesse apaixonado por uma rapariga como tu, a minha vida estava muito melhor neste momento.

Nina: Não sejas parvo. Quem te ouvir falar vai pensar que eu sou uma pessoa fantástica.

Ian: E és uma pessoa fantástica Nina. Não é toda a gente que está disposta a fingir que namora com um rapaz que conhece há uns poucos de meses e que fica com ele em casa só para ele ficar a sentir-se bem. Podias ir ter com o teu melhor amigo e deixar-me aqui sozinho, a desesperar e a pensar em coisas parvas. Mas não. Estás aqui comigo, a apoiar-me, a tentar animar-me- Se não és uma pessoa fantástica, então és o quê?

Nina: Oh Ian. Agora deixaste-me sem palavras. Se sou uma pessoa fantástica não sei, mas sei que vou ficar aqui e fazer tudo aquilo que acabaste de dizer. O que é que queres fazer primeiro? Filme, música, fazer o jantar, estudar?

Ian: Então, podemos começar pelo jantar e depois fazemos uma sessão de cinema. Mas tem de ser um filme com ação. Nada de lamechices.

Nina: Combinado!

 

Nina e Ian fizeram o combinado. Jantaram, viram um filme, comeram pipocas, conversaram e acabaram por adormecer no sofá. Na manhã seguinte passaram em casa de Nina e foram para as aulas. Sempre sob os olhares atentos de Miley Cyrus, passaram a maior parte do dia juntos, a sorrir um para o outro. Chegaram a andar de mãos dadas para disfarçarem melhor. No fim do dia, encontraram-se no jardim da escola.

 

Nina: Acho muito estranho o Nick não ter vindo falar comigo o dia todo. Nem me responde às mensagens.

Ian: Eu disse-te que ele gosta de ti, Nina. O mais certo é ter-se afastado para não sofrer.

Nina: Acho que começo a acreditar que tens razão. Mas eu não gosto dele dessa maneira. O que é que eu faço?

Ian: Fala com ele. Diz-lhe que sabes que ele gosta de ti, mas que tu não sentes o mesmo.

 

No outro ponto da escola, Miley andava às voltas de um lado para o outro. Estava ansiosa que Nick saísse das aulas. Precisava de falar com ele, urgentemente. Não podia permitir que o namoro de Ian e Nina avançasse mais do que já tinha avançado. Finalmente, Nick apareceu.

 

............................

Este está mais pequenino, mas espero que tenham gostado na mesma.

Fico à espera das vossas mais sinceras opiniões!

Para a semana há mais! :D