Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

You And I

11
Nov12

"I´ll Always Love You" - Capítulo 7


JustAnOrdinaryGirl

Demi acabou por aceitar falar com Joe, mais uma vez. Sentia que as coisas se iam resolver, apesar de sempre ter acreditado que o mais cero seria nunca mais voltar a vê-lo. Decidiram ir para casa de Joe, pois lá sabiam que não podiam ser incomodados por ninguém. Percorreram todo o caminho calados, caminhando lado a lado e olhando-se de vez em quando.

 

Joe: Entra e põe-te à vontade. Queres beber alguma coisa?

Demi: Não. Vim aqui para falarmos, não para beber alguma coisa. O que é que me queres dizer?

Joe: Demi, porque é que me estás a tratar assim?

Demi: Ainda perguntas? Primeiro disseste que não tiveste nada com aquela Taylor não sei das quantas, depois ela aparece lá e vocês ‘tão todos amiguinhos e não sei quê.

Joe: Então é tudo ciúmes, é certo?

Demi: Ciúmes? Não, não são ciúmes. Eu é que não suporto que me mintam e me traiam.

Joe: Pois então fica a saber que eu não sabia que a rapariga da foto era a Taylor, não me lembrava dela. Nunca tive nada com ela nem vou ter. Quando me apercebi que era a mesma pessoa vim-me embora. Vim atrás da pessoa que realmente me interessa que és tu. Entendes ou é preciso explicar-te melhor?

Demi: Desculpa.

Joe: Não preciso que me peças desculpa, apenas quero que entendas que eu seria incapaz de te trair.  Acredites ou não, nunca tive mais ninguém depois de ti, nem uma simples “curte”.

 

Entretanto, Nick e Selena, que tinha tido aquele “problema”, ou seja, que tinham ficado próximos demais, continuavam a discutir.

 

Selena: Tu nunca mais te voltes a aproximar tanto de mim. Ouviste rapazinho?

Nick: E tu NUNCA mais me voltes a tentar bater, senão….

Selena: Se não, o quê?

Nick: Não queiras saber.

Selena: Lá está. Eu sinceramente ainda estou para perceber como é que a Demetria consegue estar contigo. Não vales nada.

Nick: Ouve, tu não me irrites se não eu não vou responder por mim.

Selena: Ui, que medo. Vais bater é? Força nisso, pode ser que assim a Demetria te largue de vez.

 

Nick passou-se da cabeça, literalmente, e avançou para ela, já de mão no ar, pronto a pregar-lhe um valente estalo. Claro que ela não se ficou e agarrou-lhe a mão. Mais uma vez ficaram próximos demais. Desta vez Nick não hesitou e espetou-lhe um beijo. Ela usou toda a sua força para o afastar mas não conseguia, por mais que tentasse, que ele a parasse de beijar.

Entretanto Demi e Joe continuavam a tentar resolver todas as coisas que tinham ficado por resolver entre eles.

 

Demi: Desculpa Joe.

Joe: Não quero que me peças desculpa Demi. Apenas quero que acredites em mim, mais nada.

Demi: Mas eu tenho que te pedir desculpa. Todo este tempo, pensei que a culpa tivesse sido tua. Agora sei que a culpa foi toda minha.

Joe: Tua?

Demi: Sim, porque não acreditei em ti e acabei por estragar tudo.

Joe: Nisso tens razão. Se não tivesses desconfiado de mim a esta hora podíamos estar a realizar o nosso sonho.

Demi: Qual deles?

Joe: Todos aqueles que tínhamos em conjunto. O primeiro, seria o casamento.

 

Demi não aguentou mais as lágrimas que tinha contido durante toda a conversa e desatou a chorar. Depois sem hesitar, abraçou-o com toda a sua força. Claro que ele retribuiu. Tê-la nos braços era tudo o que queria.

 

Demi (sussurrando ao ouvido de Joe): Desculpa meu amor.

 

E sem esperar mais, beijou-o. Era caso para dizer que foi um beijo “à filme”. Depois ficaram ambos abraçados, com as cabeças encostadas e a olharem um para o outro, em silêncio.

 

Demi: Lembras-te do que eu te disse no dia em que foste embora?

Joe: Adeus?!

Demi: Não, parvo. Disse-te que te ia amar sempre.

Joe: E vais fazê-lo?

Demi: Nunca duvides….Amo-te.

 

 

 

 

..................................

 

Gostaram?? Para a semana há mais :)

Até lá digam-me o que acharam e deixem aí um comentário :)